Familiares dos tripulantes do submarino rejeitam «luto nacional»

Argentina 02-12-2017 17:27
Por Redação
Os familiares dos 44 tripulantes que seguiam no submarino ARA San Juan e que está desaparecido há 17 dias, recusam a ideia de que seja declarado «luto nacional» e pediram às autoridades que retomem as operações de busca e resgate.

Depois de serem informados sobre as últimas novidades relativamente às buscas, os familiares saíram da base naval de Mar del Plata para falar à imprensa.

«Não aceitamos o luto», afirmou um dos familiares, depois de a imprensa ter informado que o Governo planeava declarar «luto nacional» a partir do próximo domingo.

Os familiares rejeitam a decisão da Marinha de dar por finalizadas as operações de busca dos tripulantes para passar só a uma fase de busca do submarino.
Ler Mais

Últimas Notícias

ATENÇÃO: Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais