Batistuta assume estar chateado por ter sido superado por Messi

Argentina 12-11-2017 16:54
Por Redação
Gabriel Batitusta, antigo avançado que brilhou na década de 90 do século passado por clubes como Fiorentina e Roma, assumiu ter ficado chateado por ter sido superado no recorde de golos pela seleção argentina.

Autor de 54 golos pela seleção das pampas, Batigol, como ficou conhecido, foi recentemente superado por Messi, que leva agora 61 golos.

«Fiquei chateado, sim, bastante. Era um título que tinha, não era qualquer coisa. Andava pelo mundo e as pessoas diziam que era o máximo goleador da seleção argentina. Gostava disso», afirmou Batistuta, em entrevista à estação televisiva Telefe.

O avançado, ainda assim, tem melhor média que Lionel Messi, uma vez que marcou os seus 54 golos em 77 jogos, enquanto o atual avançado do Barcelona conta 61 em 122.
Ler Mais
Comentários (5)

Últimas Notícias

ATENÇÃO: Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais