Selecionador defende que Escócia tem um problema «genético»

Mundial 2018 08-10-2017 22:15
Por Redação
A Escócia falhou mais uma vez a fase final de uma grande competição, ao empatar diante da Eslovénia (2-2), perdendo assim um lugar no play-off de acesso ao Mundial de 2018. Gordon Strachan, selecionador escocês, defende que o país tem um problema «genético».

«Geneticamente estamos atrás dos outros. Tivemos pela frente um adversário com mais peso e força que nós, tínhamos de lutar o dobro por cada bola. A equipa deu tudo em campo nos dois últimos jogos e os jogadores bateram-se bem. Perdemos o apuramento para a Eslováquia apenas por diferença de golos. Podemos olhar para trás com orgulho», afirmou o selecionador escocês, que deixou no ar que iria abandonar o leme da seleção britânica.

A Escócia terminou a fase de apuramento para o Mundial no terceiro lugar do Grupo F, fora dos lugares de apuramento direto e play-off.
Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias

ATENÇÃO: Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais