Vinte anos de prisão para ex-polícia que matou negro desarmado

Estados Unidos 07-12-2017 19:13
Por Redação
O ex-polícia branco do estado norte-americano da Carolina do Sul que abateu a tiro, em 2015, um automobilista negro desarmado, foi esta quinta-feira condenado por homicídio a uma pena de 20 de anos de prisão.

Michael Slager foi igualmente considerado culpado de obstrução à justiça por ter mentido relativamente às circunstâncias do homicídio de Walter Scott, de 50 anos, atingido a tiro por Slager quando tentava fugir após uma banal infração ao código da estrada.

Os factos, que remontam a abril de 2015 e foram captados num vídeo amador, chocaram a opinião pública no país e além-fronteiras. O assassínio de Walter Scott originou manifestações que por vezes desembocaram em confrontos, por todos os Estados Unidos.
Ler Mais

Últimas Notícias

ATENÇÃO: Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais